terça-feira, 27 de setembro de 2011

sobre a absolvição do fortaleza



acabou o julgamento no stjd.

a lavagem de mãos foi completa.

o resultado da partida, apesar de todas as evidências, foi mantido.

tristeza mesmo só para carlinhos bala, que foi pego para cristo e cumprirá 6 jogos de suspensão.

porém, nada de ponto final.

o caso ainda pode ser levado ao pleno do superior tribunal de justiça desportiva.

ate lá, muita água pode rolar.

muita divulgação na mídia.

muita exposição do caso nacionalmente e até internacionalmente.

muita humilhação a ser sofrida.

e muita comemoração por, pasme, permanecerem na série c.

aguardemos por mais uma pizza.

em tempo: o julgamento ficou marcado humoristicamente pelo momento em que, ao final da exibição de um dos vídeos que apresentava os lances mais polêmicos da partida, para surpresa geral, ouviu-se em alto e bom som a canção "se gritar pega ladrão", do saudoso bezerra da silva. a música foi inserida pelo editor do vídeo e deixou um dos advogados do fortaleza revoltadíssimo. tentando contornar a situação, um funcionário do supremo "correu que o pé bateu na bunda" e rapidamente apertou o stop.

Nenhum comentário:

Postar um comentário