segunda-feira, 5 de setembro de 2011

sobre mais uma humilhação


ademir fonseca acaba de quebrar um recorde pessoal.

em 2008 ele deixou o américa do rio de janeiro após comandar o time durante apenas uma partida.

não satisfeito, ele jurou que um dia conseguiria superar a marca.

e esse dia chegou.

ontem ademir anunciou que está fora do clube.

uma semana após assumir.

e antes mesmo de disputar o seu primeiro jogo.

alguns dizem que o treinador decidiu sair após ouvir a notícia de que, devido a uma nova política de redução de custos, o presidente osmar baquit não poderia mais comprar rojões para que ele os soltasse durante os treinos.

outros afirmam que foi por querer estampar seu nome nas páginas do guiness.

várzea.

o último que sair apague a luz.

em tempo: o folclórico ademir fonseca finalmente justificou o apelido de "rei do acesso". em menos de uma semana o treinador conseguiu subir da série c para a série b. mitou.

2 comentários:

  1. Quando a gente pensa que parece impossível ficar pior a situação do Fortaleza acontece um negócio desses. Tá brabo mesmo o negócio.
    Ao saber da notícia hoje pela manhã lembrei logo daquele teu post anterior.
    Ele é realmente o rei do acesso. Subiu pra série B em pouco tempo, mas sozinho :)

    ResponderExcluir
  2. capita, a diretoria mala do fortaleza armou uma jogada de mestre depois da saída do fogueteiro. o problema é que o time não depende apenas de si pra se classificar. mas que eles deram um tiro certo, deram. mais tarde vou postar a respeito.

    ResponderExcluir