domingo, 4 de setembro de 2011

sobre um ceará e inter

"valeu, ricão!"

desastre.

para um time que fora de casa coleciona derrotas e péssimas atuações, empatar aqui dentro deve ser considerado como desastre.

tinhamos obrigação de vencer o internacional. apesar dos nossos desfalques, era natural que conseguíssemos nos impor e sair com mais três pontos. mas, infelizmente, não foi o que aconteceu.

o que se viu foi um jogo aberto, com chances claras para os dois times matarem a partida.

nos faltou capricho.

nos faltou sorte.

nos faltou técnica.

nos faltou um jogador.

a situação vai se complicando e se atitudes drásticas não forem tomadas, eu temo pelo pior.

em tempo: enrico foi o grande responsável pelo gol do time gaucho ao fazer um lançamento perfeito para o jô, que ganhou na velocidade do lento erivélton e ainda driblou o fabrício antes de tocar com tranquilidade para o fundo da rede.


apesar dessa tremenda infelicidade, é inadmissível que o torcedor alvinegro vaie um jogador do próprio time.

se as coisas já não andam bem pro lado do atleta, ouvindo vaias de uma multidão é que definitivamente não vão melhorar.

torcedor de verdade tem a obrigação de apoiar o time em campo de forma incondicional. mesmo que seja calado e contribuindo apenas com o pensamento positivo.


vaiar NUNCA trará um melhor resultado. NUNCA.

3 comentários:

  1. Concordo plenamente com você em relação a vaiar o jogador.Torcedor que faz isso é no mínimo burro,pq esse jogador vai ficar muito mais abalado por saber que está tendo uma fraca atuação e percebendo que o torcedor está contra ele.Temos que incentivar sempre,isso sim é que deve ser feito!Vaiar NUNCA!!!Incentivar SEMPRE!!!

    ResponderExcluir
  2. Concordo em relação a vaiar, isso abala o atleta ctza..! Agora no meu pensamento, pelo 1° tempo que o Enrico fez, o Mancine deveria ter tirado ele logo no intervalo. não merecia ter nem voltado pro campo.. tudo bem que dps do gol ele até melhorou um pouco, mas foi uma melhora do time por inteiro e não só do jogador! Fica dificil pro torcedor e pra comissão tecnica confiar num jogador que até agora não rendeu nada!

    ResponderExcluir
  3. enrico foi uma aposta que definitivamente não deu certo.

    ele não tem vaga nesse esquema com três volantes. ele se esconde, não tem criatividade, é azarado e ainda sofre com a rejeição da torcida.

    aliás, é muito difícil um jogador se destacar tendo que organizar ofensivamente o time sozinho, sem um volante que saiba subir pra tabelar e criar junto com ele.

    é como ser jogado numa fogueira e ainda ouvir um "te vira".

    thiago humberto até que consegue fazer isso de vez em quando, mas mesmo assim ainda é muito criticado.

    pra mim, a entrada do rudnei tem que ser definitiva. ele não tem muito poder de marcação, mas tem qualidade pra chegar ao ataque e levar perigo.

    e se duvidar, vai ser no lugar do michel, que anda irreconhecível. talvez esteja exagerando nas baladas e perdendo a concentração.

    ResponderExcluir